Fabricação

Para a produção das membranas pela técnica da eletrofiação, a DBM dispõe de desenvolvimento próprio de máquinas e dispositivos que possibilitam o incremento de novas pesquisas e geração de novas tecnologias aplicadas no campo médico.

As membranas produzidas, são recortadas em tamanhos e formatos pré-concebidos para seu uso especifico, dependendo da área superficial  a ser tratada. Para tanto, a produção é feita em tamanhos que atendam estas necessidades sendo esterilizadas posteriormente para distribuição.

Na figura 3, verifica-se alguns equipamentos desenvolvidos pela DBM a fim de gerar membranas destinadas a área de queimados na regeneração cutânea.

Figura 1 – Dispositivos de eletrofiação desenvolvidos pela DBM para produção de membrana destinadas a recuperação cutânea.
Fonte: DBM (2019)

Novos desenvolvimentos

A DBM tem como prerrogativa a inovação tecnológica e desenvolvimento de novas soluções na área da saúde, buscando atenuar ou resolver problemas que impactem neste setor. Para tanto, buscamos novos parceiros que partilham o objetivo de se lançarem como precursores na aplicação de novas técnicas e produtos que possam definir novos mercados, beneficiando os usuários na área da saúde.

Dentre os novos desenvolvimentos cita-se pesquisas na área de regeneração nervosa, ode a membrana eletrofiada pode ser aplicada, atuando em lesões resultantes de esmagamento e secção.

Assim, gostaríamos de ventilar uma possível parceria no desenvolvimento desta tecnologia aplicada na área Oftalmológica, criando novas expertises e soluções de tratamentos de regeneração nervosa.

Fabricação

Para a produção das membranas pela técnica da eletrofiação, a DBM dispõe de desenvolvimento próprio de máquinas e dispositivos que possibilitam o incremento de novas pesquisas e geração de novas tecnologias aplicadas no campo médico. 

As membranas produzidas, são recortadas em tamanhos e formatos pré-concebidos para seu uso especifico, dependendo da área superficial  a ser tratada. Para tanto, a produção é feita em tamanhos que atendam estas necessidades sendo esterilizadas posteriormente para distribuição.

Na figura 3, verifica-se alguns equipamentos desenvolvidos pela DBM a fim de gerar membranas destinadas a área de queimados na regeneração cutânea.

Figura 1 – Dispositivos de eletrofiação desenvolvidos pela DBM para produção de membrana destinadas a recuperação cutânea.

Fonte: DBM (2019)

Novos desenvolvimentos

A DBM tem como prerrogativa a inovação tecnológica e desenvolvimento de novas soluções na área da saúde, buscando atenuar ou resolver problemas que impactem neste setor. Para tanto, buscamos novos parceiros que partilham o objetivo de se lançarem como precursores na aplicação de novas técnicas e produtos que possam definir novos mercados, beneficiando os usuários na área da saúde.

Dentre os novos desenvolvimentos cita-se pesquisas na área de regeneração nervosa, ode a membrana eletrofiada pode ser aplicada, atuando em lesões resultantes de esmagamento e secção.

  Assim, gostaríamos de ventilar uma possível parceria no desenvolvimento desta tecnologia aplicada na área Oftalmológica, criando novas expertises e soluções de tratamentos de regeneração nervosa.